Parque Jardim da Luz

Capa 1

São Paulo conta com diversos parques, sendo o Jardim da Luz o mais antigo. Ele possui uma identidade própria o que o faz ser único e surpreendentemente bonito.

O Jardim da Luz está localizado bem no coração do centro velho de São Paulo, em frente à Estação da Luz. Para chegar até lá é só desembarcar na estação do metrô que leva o mesmo nome, podendo ser acessada pela linha azul ou amarela do metrô.

Vista Estação da Luz

Ao entrarmos no jardim temos a impressão de que voltamos no tempo e que estamos no início do século XIX, pois apesar das reformas realizadas no início do século XX e na década de 1990 ele ainda guarda as características de sua criação em 1798.

A disposição dos lagos completa a paisagem; eles possuem fontes, chafarizes e estátuas greco-romanas que dão um toque especial à decoração do parque.

lago

As alamedas com árvores centenárias, os postes antigos de iluminação, coreto, espelhos d’água, uma gruta com mirante e os bosques nos contam uma bela história dos tempos antigos da cidade.

Mosaico alamedas

Podemos admirar os espelhos d’água com as carpas, cágados, tilápias e observar a fauna existente com diferenciadas espécies de aves e também é possível encontrar algum bicho preguiça, remanescente do jardim zoológico que funcionou um dia no local.

Foi encontrado recentemente nos anos 2000 um aquário subterrâneo próximo ao lago Cruz de Malta, motivo de muita satisfação aos seus funcionários, porém não pudemos visitá-lo por estar passando por reformas.

Lago de carpas

Ao lado do coreto principal existe uma bela construção do início do século XIX que se tratava de um bar tipo “café”. Devido à popularização do consumo da bebida naquela época, estes “cafés” tornaram-se pontos de encontro das elites paulistanas e este do Jardim da Luz ficou conhecido como Ponto Chic (fonte: Prefeitura de São Paulo).

Ponto Chic

A gruta do jardim da Luz foi construída em 1880, no estilo Jardim de Paysage. A cascata não estava em funcionamento, mas nem por isso deixou de mostrar sua beleza. Do mirante podemos observar o parque como um todo que possui uma área para a prática de esportes e também uma área esportiva para a terceira idade.

Mosaico área de esportes

Além das esculturas do século XX presentes nos jardins, podemos admirar várias obras de arte pertencentes ao acervo da Pinacoteca do Estado que está situada bem ao lado do parque. São obras modernas e clássicas, de diferentes artistas como Vitor Brecheret, Marcelo Nitsche, Yutaka Toyota, entre outros.

Obras de arte

Após a revitalização do Jardim da Luz, hoje é possível caminhar no parque com mais segurança, contando com maior infraestrutura e opções de lazer.

Observar o parque com todos os seus elementos em seus detalhes é uma experiência única, pois até algum tempo atrás isso não era possível, devido à degradação pela qual passou o local.

Vista do alto 1

O lugar proporciona ao seu visitante, além do lazer, um espaço histórico e cultural que merece ser conhecido.
Finalizamos assim este post, com a alegria de mostrarmos um local muito bonito onde está presente uma parte importante da história da cidade de São Paulo.

Até mais!

Está pretendendo vir a São Paulo e tem alguma dúvida?
Nós teremos prazer em responder.
Escreva para nós em: contato@checkinsapaulo.com